Cuidado com infecção urinária no verão

águaOi gente. Li uma matéria no site da Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo e resolvi compartilhar com vocês.  Ela fala sobre cuidados com infecções urinárias. Aproveitar os dias livres e finais de semana ensolarados na praia ou em piscinas exige cuidados para prevenir esse tipo de doença, que é mais recorrente em dias de calor.
Eu, por exemplo, tenho cistite crônica e faço tratamento contínuo.  Segundo o urologista Joaquim Claro, médico chefe do Centro de Referência da Saúde do Homem, unidade especializada da Secretaria na capital, a cistite é o tipo mais comum das infecções urinárias,  que atinge a maioria das mulheres. A contaminação ocorre quando as bactérias causadoras “caminham” pelo canal da urina e alcançam a bexiga. Nos homens, estas infecções estão relacionadas a problemas de cálculo renal ou a complicações com a próstata. A doença causa dor lombar, forte incômodo no momento da micção, alteração no odor e na cor da urina, febre e aumenta a necessidade do doente de ir ao banheiro. “Logo nos primeiros sinais já é preciso buscar ajuda médica para diagnóstico correto do caso. A agilidade no início do tratamento evita que as bactérias fiquem mais agressivas e ataquem os rins”, enfatiza Joaquim
Segundo o urologista, permanecer ao longo do dia com biquínis, maiôs e bermudas molhadas podem facilitar o aparecimento de infecção, pois a umidade potencializa a proliferação dos micro-organismos causadores da doença. “O ideal é que as mulheres façam uma boa higienização íntima durante o banho e substituam as peças por lingeries de algodão assim que retornarem do passeio”, exemplifica Claro.Fazer alterações radicais na dieta – atitude comum entre mulheres e homens em busca da forma perfeita para o verão – também causam mudanças no organismo e diminuem a imunidade do corpo, facilitando a ação de bactérias, fungos e outros vilões.O urologista indica que seguir uma dieta saudável, diariamente, é um hábito que ajuda no combate às infecções urinárias e na prevenção de diversos problemas de saúde.

Ainda segundo o especialista, a constante ingestão de líquidos faz com que as bactérias sejam expelidas por meio da urina. “Por conta disto, segurar o xixi por muito tempo, seja na praia, ou até mesmo no trabalho, é um comportamento inadequado que aumenta os riscos de adquirir a doença” destaca o especialista.

A dica é aproveitar as pausas no banho de sol, ou nos jogos de areia, para utilizar os sanitários e manter a hidratação corporal com sucos e refrescos. Tomar pelo menos dois litros de água por dia, principalmente nos períodos mais quentes, é fundamental para evitar o aparecimento de outros problemas como as pedras no rim. Para mim, a ingestão de água é essencial!!!

Bom, é isso. Espero que você leitor aproveite a dica e cuide de seu corpo! Até a próxima.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s